RÉPTEIS

O que é um réptil?
Como peixes, anfíbios, aves e mamíferos, os répteis são vertebrados (têm esqueleto). Mas o que os diferencia dos anfíbios e peixes é que são basicamente animais terrestres. Eles não têm que viver e nem retornar constantemente para água.
Diferente das aves e mamíferos, o sangue deles é frio. A temperatura do corpo de um réptil é sempre igual a temperatura do ambiente em que ele se encontra.

FICHAS DE RÉPTEIS

Clique nas imagens abaixo para saber mais sobre cada réptil:

Jibóia
Tartaruga
Tartaruga Marinha
 
 

Hibernação
Os répteis não suportam lugares de temperatura muito baixa e nem muito alta. Durante o inverno algumas espécies hibernam. Ficam num estado de dormência. Essa é a forma que encontraram de manter a temperatura necessária para sobreviverem ao frio do inverno.
Antes de hibernar, os répteis comem uma grande quantidade de alimentos para formar uma camada grossa de gordura no corpo.
Para hibernar os répteis se enterram nos solos ou deslizam dentro de fendas nas rochas.

Répteis pré-históricos
O primeiro réptil que apareceu na Terra foi cerca de 340 milhões de anos atrás. Seu ancestral era anfíbio, mas  já o primeiro réptil podia respirar sem a necessidade de retornar a água.
O período Mesozóico foi o tempo em que a Terra era dominada pelos répteis. Esse período é também chamado “A era dos répteis”. Durante milhões de anos eles foram evoluíndo e se adaptando conforme as possibilidades de sobrevivência e alimentação. Alguns aprenderam a voar e outros retornaram a viver nos oceanos.

Grupo de répteis
Hoje há quatro principais grupos de répteis que ainda permanecem na Terra:
- ordem Chelonia (tartarugas,cágados e jabutis) com 225 espécies;
- ordem Squamata (cobras e lagartos) com 5.800 espécies;
- ordem Crocodilia ( crocodilos e jacarés) com 21 espécies
- ordem Rhynchocephalia (as tuataras) com 2 espécies.

 Curiosidades

O camaleão pode mover seus olhos para dois lados diferentes ao mesmo tempo e tem a língua maior que o seu corpo. Ele consegue apanhar insetos a 25 centímetros de distância.

As cobras ouvem com a língua. Elas não têm ouvidos e as suas línguas são extremamentes sensíveis às vibrações sonoras. Elas vivem mostrando a língua justamente para captar essas vibrações.

Um grama de veneno da serpente Naja é suficiente para matar 150 pessoas.

O único continente que não tem répteis é a Antártida.

“Lágrimas de crocodilo” é uma expressão muito conhecida para dizer quando alguém está fingindo um choro. O crocodilo, quando ingere um alimento, faz forte pressão contra o céu da boca, comprimindo as glândulas lacrimais. Assim, ele “chora” enquanto devora a sua vítima.

Os crocodilos são bem velozes na terra. Para fugir deles, o melhor é correr em ziguezague, pois eles não conseguem mudar de direção repentinamente.

A carapaça das tartarugas é a própria pele que engrossou e ficou dura como osso. Elas não conseguem sair dali. Só conseguem colocar a cabeça e as patas para fora.

A píton reticulada, do sudoeste asiático, é a maior cobra do mundo, podendo atingir dez metros.

Em alguns répteis como os crocodilos, as tartarugas e os lagartos, o sexo (macho ou fêmea) é determinado pela temperatura do ambiente durante o desenvolvimento do embrião.

A pele dos répteis
A pele do réptil é seca e escamosa. As cobras e os lagartos têm uma camada de escamas sobrepostas (como um telhado de uma casa).

Já as escamas da pele dos quelônios, crocodilos e tuataras são em placas.

Os crocodilos e alguns tipos de lagartos têm umas peças osseas chamadas “osteodermos” dentro de suas escamas. Essas peças têm a função de um escudo protetor.

Algumas espécies de répteis trocam de pele várias vezes ao ano.

A alimentação dos répteis
A alimentação dos répteis varia. Alguns se alimentam de insetos,  outros são vegetarianos e se alimentam de flores. Tem os que comem ovos, peixes e outros animais, há também os que comem algas e sementes. Ou seja, cada espécie têm a sua própria alimentação e ela varia de acordo com o habitat em que vive.
Inserir um mosaico de imagens com as possibilidades dos alimentos listados acima que os répteis comem.

Ovos
Os ovos dos répteis têm as suas cascas e membranas (camadas) grossas, evitando a perda de umidade dentro do ovo. Os embriões ficam protegidos e os répteis podem viver longe da água.

JOGOS

 
JOGO DA COBRA
TURTLE POOL
RADIOCTIVE SNAKES
 
TURTLE HERDER
TURTLE ODYSSEY

 

   

facebook twitter


© Copyright Mariana Caltabiano Criações